Tati Aponte

“Tudo por um Pop Star” mais um livro de Thalita Rebouças que ganha a tela dos cinemas

Na próxima quinta feira, dia 11 de outubro, chegará aos cinemas o filme  “Tudo Por um Pop Star“.

Baseado no livro homônimo de Thalita Rebouças, o filme aborda os mesmos temas já apresentados na versão literária da obra.

Amores adolescentes, amizade, fama e as loucuras que três meninas do interior são capazes de fazer por seus ídolos.

Serei POLÊMICA: Pra mim o filme é infinitamente superior ao anterior “Fala Sério, Mãe!”, que eu comentei aqui no blog.

E eu explico porque!

Qual a história de”Tudo Por um Pop Star” ?

Manu (Klara Castanho), Gabi (Maísa Silva) e Ritinha (Mel Maia) são muito amigas e AMAM a banda Slavabody Disco Disco Boys.

A banda é americana, mas o vocalista Slack (João Guilherme) é brasileiro!

E, para alegria das meninas, a banda vai se apresentar no Rio de Janeiro!!!!

Mas as coisas não são tão simples assim…

Além de serem menores de idade, as garotas não possuem dinheiro para arcar com os ingressos, despesas com hospedagem e alimentação.

Quando tudo parece perdido, elas vêem que o youtuber Billy Bold (Felipe Neto) divulgou um concurso nas redes sociais.

Quem fizer o vídeo mais bem produzido falando porque é fã da banda ganhará 3 credenciais VIPs para o show.

Parece que os bons ventos estão soprando a favor,né?

Agora só falta um adulto responsável para levá-las ao show….RESPONSÁVEL, ok?

Babette (Giovana Lancellotti) a prima de Manu aceita o desafio, afinal ela as entende perfeitamente.

Ela já fez loucuras para ver o Justin Bieber (quando era mais nova, é claro…rsrsrs)

E é super amiga de Davi (Victor Lamoglia) que mora em uma cobertura AO LADO do hotel onde os Slavabody estão hospedados.

Assim, as 4 garotas partem rumo a Cidade Maravilhosa para acompanhar o show de suas vidas….

Será que tudo vai acabar bem?

Por que achei “Tudo Por um Pop Star” melhor que “Fala Sério, Mãe”?

A primeira coisa que me deixou bem mais confortável com este filme é a inocência que permeia toooooda a história.

Adolescentes AMAM AMAR, e amam quase sempre de maneira descontrolada!

Manu, Gabi e Ritinha – Klara Castanho, Maísa Silva e el Maia
Foto: Divulgação

Amam muito, aceitam tudo que é feito pelos seus artistas favoritos, colam posteres em seus quartos (mesmo quando os “gatos” nem são tão bonitos assim), sabem tooodas as fofocas dos seus adorados de cor.

Em “Tudo Por um Pop Star” as meninas não são adultas e se metem em confusões movidas pela inocência e afã em verem seus seres artistas favoritos de perto.

É bonitinho vê-las cheias de coragem, mas amarelando em momentos cruciais, sabe? Aquela frase típica de adolescentes:

Ai, minha mãe vai ficar brava se eu fizer isso

Já em “Fala Sério, Mãe” a temática é mais adulta… Mas não é só isso, a figura materna do filme incomoda demais.

A mãe de Maria de Loudes (Larissa Manoela) em “Fala Sério, Mãe!“, Ângela Cristina (Ingrid Guimarães) deixou-me várias vezes constrangida durante o filme.

GENTEEEEEEEEEE, eu sou assim!

Mães que são topzeras me irritam, #prontofalei!

As figuras maternas e paternas de “Tudo Por um Pop Star” me agradam mais, pois as três meninas possuem responsáveis que são, de fato, responsáveis!

 

Eu ri bastante no filme e foi impossível não lembrar da minha adolescência, quando o Leonardo Di Caprio e os Backstreet Boys eram os meus artistas favoritos! Hahahahahaha!

Assistam e levem, SEM QUALQUER PROBLEMA, seus filhos para assistirem ao filme!

É um programa bem legal para este feriado!

Depois me contem o que acharam??? Quero saber!!!

Beijos!

Summary
Review Date
Reviewed Item
Tati Aponte
Author Rating
31star1star1stargraygray

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados