Tati Aponte

Em “De Encontro Com a Vida” o impossível pode se tornar possível

*por Hugo Dourado do site “Meu Hobby é Cinema” para o blog Tati Aponte

Não vemos filmes de comédias alemãs com frequência aqui no Brasil, né?

Geralmente, os dramas e suspenses com a temática “guerra” e suas variáveis são mais frequentes que outros gêneros.

Até parece que na Alemanha não comédia nem amor.

Mas, para nosso deleite, o filme “De Encontro com a Vida” tem uma narrativa leve, agradável, divertida e, por que não dizer motivacional?

Baseado em fatos reais, o filme é uma comédia romântica com um charme germânico interessante.

O que te impede de ir de encontro com suas vontades?

Saliya (Kostja Ullmann) é um jovem que está prestes a se formar.

No entanto, uma doença hereditária e agressiva começa a se manifestar, comprometendo seriamente sua visão.

Saliya passa a enxergar apenas 5% do que .

Praticamente cego por conta da doença, Saliya perde oportunidades de realizar seu maior sonho, que é trabalhar em um hotel de luxo.

Mas, decidido a viver esta experiência, candidata-se a uma vaga de estágio em um hotel luxuoso em Munique, omitindo de todos sua real condição.

Sem enxergar, o jovem desenvolve uma apurada sensibilidade para os outros sentidos.

Somado a isso, Saliya é um rapaz inteligente e dedicado, e consegue driblar a doença e limitações que surgem no seu dia.

Ele também conta com a ajuda de Max (Jacob Matschenz), um amigo que o ajuda em várias situações, algumas bem engraçadas, e tudo isso sem que ninguém desconfie da sua doença.

Mas, ao conhecer Laura ( Anna Marie Mühe) Saliya começa a se questionar se conseguirá manter este segredo

“De Encontro com a Vida” é bom?

O filme cai no senso comum quando Saliya se apaixona por Laura e esconde a doença e sua limitação visual.

Cena do filme “De Encontro com a Vida”

A partir deste momento as situações começam a dar errado e levam o protagonista ao “fundo do poço“.

Sem spoilers, mas opinando, a redenção de Saliya é bem previsível.

Mas é um filme que diverte, e tem a capacidade de provocar algumas reflexões sobre vida e motivação, ainda que bem superficiais.

Vale a ida ao cinema se você buscar algo para relaxar, distrair, se emocionar um pouquinho e não precisar pensar.

 

 

 

Summary
Review Date
Reviewed Item
Sobre o filme "De Encontro com a VIda"
Author Rating
31star1star1stargraygray

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados